5 de abril de 2017

Despedida

Se queres partir, pode ir.
Se queres me deixar, vá...
 Não te esqueças de fechar a porta.
E nunca te esqueças: tu quiseste assim.
Despediu-se de mim.

Não te esqueças, que esse corpo que hoje é teu,
Será tocado por outro amor...
 Não chores, quando ver essa lágrima que hoje derramo, 

Transformar-se em sorriso, nos braços de outro alguém.

Nanda Olliveh

Visitantes.

Marcadores.

Poema (197) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.